Facebook YouTube Twitter
Linhas

Informação Útil

Acne

A acne é uma dermatose inflamatória que atinge uma estrutura formada pelo pelo e a glândula sebácea e que tem a designação de foliculo pilo-sebáceo.

Sabemos hoje que há receptores nessas estruturas que nos pacientes com acne têm maior sensibilidade para os androgeneos (hormonas sexuais “masculinas”) e sabemos também que essa maior sensibilidade está genéticamente determinada.

Os androgéneos, designados como hormonas sexuais masculinas tanto existem no homem como na mulher (embora na mulher, em muito menor quantidade).

Existe a testosterona segregada nos testiculos (no homem) ou nos ovários (na mulher). Existem ainda os chamados androgéneos “fracos” como a androstenediona, a dihi-droepiandrosterona sulfato. O que se passa então na acne? Estes androgéneos vão causar (nos inpiduos genéticamente predispostos), um aumento da secreção sebácea bem como um espessamento da parede do canal excretor da glândula sebácea que vai originar assim não só o aumento da glândula como uma retenção do sebo por ela produzido!

Como se isso não bastasse o sebo acumulado é colonizado por uma bactéria denominada por “Propionibacterium Acnes” que vai dar origem à libertação de substâncias inflamatórias que lhe dão aquele aspecto clinico de “borbulhas com pus”.

Aspecto clinico das lesões: 
 Pontos brancos” ( Comedões fechados) 
 Pontos negros”   ( Comedões abertos) 
 Pápulo-pustulas 
 Nodulo-quistos 
 Cicatrizes

Pelo que fica exposto fácil será de entender que a etiopatogenia da acne é um processo múltiplo e complexo necessitando também de uma terapêutica combinada que vá actuar nos diferentes niveis desse processo etiopatogénico (com algumas excepções). 
 


 
Pontos Brancos (comedões fechados)

 
Pontos negros (comedões abertos)

 
Pápulo-pustulas

 
Nodulo-quistos

 
Cicatrizes


 


Agentes utilizados na terapêutica oral:

Antibióticos:  
                Tetraciclinas ou derivados  (Vibramicina®, Minocin® etc.)

Claritromicina (Klacid®)

Azitromicina (Zithromax®)

Quando se utilizam antibioticos na terapêutica da acne estamos a actuar não só no P. acnes mas também, a obter o efeito anti-inflamatório desses antibioticos orais. Têm Contudo o inconveniente de originarem a resistência do P. Acnes a esses mesmos antibioticos!

Isotretinoina (Roaccutan®) 
A isotretinoina è um derivado da vitamina A que se encontra no grupo de substâncias designadas como imunomoduladores. 
Surgiu no mercado há aproximadamente 25 anos e, apesar de todo o “alarido” e “guerra comercial” a que foi sujeita é sem dúvida a substância número um no tratamento da acne e ... bastante segura(!), se utilizada em doses baixas e, respeitando as normas terapêuticas indicadas. Uma mulher medicada com isotretinoina que pretenda engravidar deverá interromper a terapêutica durante 4 semanas antes de o tentar fazer!

Terapêutica Hormonal: 
As “pilulas” anticoncepcionais competem com os androgéneos não só porque possuem estrogeneos mas também, porque, algumas delas têm associadas substâncias como o acetato de ciproterona que são muito eficazes a competir com esses mesmos androgeneos (ex: Diane® 35). Pilulas também utilizadas são a Yasmin®, a Yasminele®, a Valette®, e, últimamente a Belara® (cloromadinona). 
Lógicamente que este tipo de terapêutica só será utilizada no sexo feminino! 
 

Terapêutica Tópica

Tretinoina e Isotretinoina 
A tretinoina tópica (retin A®, vitacid®, locacid®, kétrel® etc.) e a isotretinoina (isotrex®) são substâncias com acção queratolítica isto é, esfoliante, além de terem uma discreta acção na proliferação bacteriana (P. Acnes). 
Apesar da sua eficácia tem acção irritativa (mais a tretinoina do que a isotretinoina).

Peróxido de benzoil 
O peróxido de benzoil (Benzac®, Peroxiben® etc) é tembém um esfoliante que tem ainda acção como anti-inflamatório reduzido a população bacteriana do P. Acnes. Não actua, contudo, na redução da produção de sebo. 
Mancha a roupa!

Ácido Azelaico 
Esta substância tal como a anterior tem também acção esfoliante, anti-bacteriana e anti-inflamatória (niacide®, azelac®, etc.).

Antibioticos Tópicos: 
Eritromicina (Zineryt®, Clinac® etc.) é o antibiótico tópico mais utilizado quando se opta por este tópico; Para além da redução da população bacteriana (P. acnes) tem também acção anti-inflamatoria. Tal como os antibioticos orais pode originar resistência bacteriana.

Associação de Tópicos: 
Existem tópicos comercializados associando mais do que uma substância ex: isotretinoina + eritromicina ( isotrexin®), ou clindamicina + peróxido de benzoil (duac® gel). 
No entanto não deverá ser feita associação de peróxido de benzoil com tretinoina pois a tretinoina é inactivada pelo peróxido de benzoil.

Infiltração intra-lesional: 
Quando existem lesões volumosas nódulo-quisticas poderá ser necessário o recurso a uma injecção intra-lesional de cortisona na lesão.

Pelo exposto será fácil entender que a terapêutica da acne é: 
Uma terapêutica complexa e..... demorada; você não pode ter pressa pois não pode de forma alguma ter eficácia sem o tempo necessário para que a terapêutica instituida atinja os seus objectivos!

Uma terapêutica complexa porque necessita de agentes diferentes: 
Sistémicos, tópicos, e, até o laser para reduzir muitas vezes não só as cicatrizes como o eritema residual.

Uma terapêutica complexa que pode incluir a ajuda de um psicologo - não esquecer que cerca de 80% dos jovens com acne sofrem de depressão em grau variável!!

Uma terapêutica complexa porque dados os efeitos irritativos de alguns tópicos é necessário ir fazendo alterações por forma a reduzir esse efeito irritativo!

Algumas Dicas:

Não utilizar perfumes, colónias ou after-shave! Para além de poderem “manchar a pele” estas substâncias são na sua maioria comedogénicas - se quiser usá-las, pulverize a sua roupa (pouco, e, com a roupa despida em cima da sua cama).Vista a roupa após o banho. Esta é uma regra para toda a gente e, não só, para os que têm acne!

Não esprema as “borbulhas”!  
Pode agravar o processo inflamatório, ter uma infecção bacteriana (piodermite) causada por um agente transportado pelas suas mãos! E.... causar cicatrizes futuras.

Lavar a cara com água morna ou fria (a quente, irá aumentar a oleosidade da sua pele) e, utilize os produtos receitados pelo seu dermatologista.

Não faça nada porque um amigo (a) lhe indicou! 
Também não faça “consultas” na farmácia! Os farmacêuticos são os profissionais (licenciados em farmácia, não em medicina) que possuem aquele espaço onde você deverá comprar os medicamentos prescritos pelo seu dermatologista! Não estão habilitados a tratar a sua acne (ou qualquer outro tipo de patologia). 
Felizmente, nos dias que correm, muitos farmacêuticos, quando pressionados pelos pacientes, nos balcões das suas farmácias para “consultas” indicam um dermatologista! Essa será a prática correcta!!

Não utilize bases para disfarçar as lesões a não ser em situações excepcionais! 
Se necessitar então peça ao seu dermatologista e, ele indicar-lhe-á uma base “oil free”.

Não precisa de “estragar” as suas férias de Verão por causa da sua acne - no entanto, deverá evitar excesso de exposição ao Sol (evitando as horas criticas- 11h – 16h30) e, solicitando ao seu dermatologista a indicação de filtros solares adequados (“oil free”).

Não tem que fazer qualquer dieta especial por causa da sua acne! Evite contudo o excesso de peso. 
 


 
Acne vulgar – progressão do tratamento

 
Acne vulgar – aspectos antes e após terapêutica combinada: oral, tópica e Laser Pulsado de Contraste

 
Cicatrizes de Acne – antes do resurfacing por meio de Laser de CO2

 
Hiperpigmentação post resurfacing para tratamento de cicatrizes de Acne;Esta hiperpigmentação pode persistir durante meses!!!! Desaparecendo espontaneamente

 
Resultado final após o desaparecimento espontâneo da 

« voltar

© 2014, CLINICA LASER DE BELEM, Todos os direitos reservados. HBRdesign